Poesias

Estranho seria

Estranho seria se por vezes eu não me irritasse, deixasse a zona de conforto para ser alguém melhor,

Estranho seria se não me desarmasse quando me faz acreditar que fui deixado de lado e no instante seguinte me mostra que sou a pessoa mais importante,

Feito bobo me rendo e volto a ser criança, mesmo sem deixar de ser maturo.

Estranho seria se não te quisesse – sempre – ao meu lado, seja para me fazer rir, me irritar, sair sem rumo, que seja!

Estranho, por mais simples que seja, seria sem você…

Um comentário

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: